Livros x Séries

  • Acidentally On Purpuse
  • Amigas Online
  • Bones
  • Friends
  • Fringe
  • Glee
  • Gossip Girl
  • Pretty Little Liars
  • Private Practice
  • Sobrenatural
  • The Vampire Diaries
  • True blood

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Quando estou completa



Eu achava uma grande besteira essa história de se sentir completo só com alguém ao lado. Pois aconteceu que eu tive que amadurecer muito para entender que não era apenar história. Realmente, tem um momento da vida da gente que acontece alguma coisa, uma estrelinha no céu brilha, um anjo diz amém e todos aqueles clichés babacas fazem sentido. Você sorri diferente, gosta dos seus amigos de forma diferente e a humanidade parece mais bacana. Você se arrepende e perdoa como nunca na sua vida imaginou que ia fazer. Você, simplesmente, se torna um ser humano melhor.
Amor parecia algo tão distante. E eu me vejo hoje preparando o jantar, arrumando a cama, dobrando a roupa dele com tanta devoção que nunca imaginei que teria. Não é assustador. É a coisa mais linda que eu passei em toda a minha vida. Eu vejo as nossas fotos e me emociono. Eu penso nas nossas histórias, nossas idas, vindas, nossas viagens, nossos planos e cada dia mais eu penso que viver do lado dele vale a pena.
Gosto de ficar do lado da minha sogra. Gosto da família dele e estou aprendendo a amar a minha por isso. Minha vida, que parece tão cor-de-rosa aos olhos dos outros, quando ele está por perto toma outras nuances: descubro meus verdes, cinzas, negros e brancos. Descubro quem eu sou.
E essa é a maravilha de estar com a pessoa certa, no momento certo. Nem tudo é perfeito. Nem sempre a gente está sorrindo. Nem sempre estamos fazendo sexo selvagem. Nem sempre minha vida é um American Way of Life. E é aí que eu me lembro do fim do filme “Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças”, onde Clementine diz para Joel que ela não é perfeita e ele responde um simples “Ok.”
É a decisão de estar juntos ano após ano- e aprender o que nenhuma outra pessoa me ensinaria.

by: Débora Lannes Drumond (;

Nenhum comentário:

Postar um comentário