Livros x Séries

  • Acidentally On Purpuse
  • Amigas Online
  • Bones
  • Friends
  • Fringe
  • Glee
  • Gossip Girl
  • Pretty Little Liars
  • Private Practice
  • Sobrenatural
  • The Vampire Diaries
  • True blood

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Antagonismo.

Me sinto presa em minhas vontades e desejos, eu quero o cheio, eu quero o vazio, não consigo me decidir, eu quero mudar, mas não quero perder, eu quero o agito e quero também o sossego. Fico pensando como vai ser quando eu for para a faculdade, certamente não irei para casa todos os fins de semana e isso é bom para minha tão desejada independência, mas eu não quero sentir saudade, como isso será? Eu quero ir para outra cidade, mas não quero perder as pessoas desta, por que a gente se apega? Seria mais fácil se não sentíssemos dor, mas sem ela jamais conheceríamos o bem-estar da alma que abrange tanta coisa. Por mais que seja difícil de aceitar, não se deve esquecer, o mundo é equilibrado e todos os sentimentos antagônicos dançam nele em perfeita sincronia, sem excessos, é um conjunto que não se separa, onde um está o outro está, é por isso que não existe amor perfeito, felicidade completa nem paz total em nossa vida, ela é feita por variações de intensidade dos lados desse conjunto inseparável, ela é feita pela troca do guia da dança. É tão perfeita!
Quando se sentir triste, amuado, mal-amado, lembre-se que quando o outro lado do conjunto se manifestar, e ele irá, virá na mesma intensidade e aí já é um motivo para sorrir, não demora você estará feliz, animado e muito bem-amado. Sabendo disso, não devíamos nem nos dar ao trabalho de sentir a dor, sabendo que isso é uma questão de tempo, mas somos míseros humanos, guiados pelas emoções e sensações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário